Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A economia das nossas avós

... e outras ideias para poupar e ganhar!

... e outras ideias para poupar e ganhar!

Como ganhar dinheiro com tralha - II

Este ano, decidi apostar a sério na venda de objectos que tenho em casa e os quais já não me interessam. Optei pelo OLX, uma vez que tantas pessoas falam deste site e é um espaço de fácil utilização. Além disso, é gratuito, o que também é importante nos dias que correm.

 

Fiz uma primeira selecção de objectos. Optei, neste primeira fase, por colocar artigos de pequena dimensão para perceber como é que o sistema funciona. E já consegui vender alguns. Por isso, hoje decidi deixar-vos aqui algumas recomendações com base na minha experiência:

 

- Cuidado com as fotografias - publique apenas fotografias que permitam ver bem o objecto e o estado de conservação em que se encontram. Fotos desfocadas não funcionam. Disponibilize mais do que uma fotografia do mesmo objecto, mesmo que o ângulo seja muito semelhante;

 

 

- Descrição fiel - Não se centre apenas nas qualidades, mas também nos defeitos do objecto. Se tem um risco, uma dobra, uma avaria, etc., diga-o directamente, caso contrário, o possível comprador pode sentir-se enganado. Explique também os métodos de entrega e de pagamento. Se deixar o seu número de telefone, as probabilidades de ser contactado/a são maiores;

 

 

- Seja flexível - Até agora, tenho colocado preços fixos, ou seja, sem possibilidade de negociação. O que não quer dizer que esse seja o preço final. Já tenho feito algumas reduções ou, por exemplo, suportado os gastos com o envio. Como diz o ditado, vale mais um pássaro na mão do que dois a voar. Pondere bem, se é melhor baixar um pouco o preço ou continuar com o objecto em casa sem utilização;

 

 

- Entrega e pagamento - Ainda só entreguei um objecto em mão. Para mim, este é o melhor método para quem vende e quem compra, mas nem sempre é possível pelas mais variadas razões. A maioria dos objectos que vendi foi enviada por correio, correndo sempre o risco de a encomenda se extraviar. Em situações destas, tenha em atenção ao método de pagamento que utiliza. Se o objecto for à cobrança, não se esqueça que os CTT cobram uma taxa por isso, que, para objectos até 80 gramas, ronda os quatro euros. Avise o comprador destas questão se for ele a suportar também esta taxa;

 

 

- Não desista à primeira -  Durante os primeiros dias, não recebi qualquer contacto. Quando comecei a receber, alguns não se concretizaram.  Não desanime se isto lhe acontecer. Mais dia menos dia, começará a fazer negócio. E com a prática, tudo melhora.

 

 

Boas poupanças!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger... Web Informer Button

2 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D